Aspectos da história da psicologia e sua presença no cristianismo brasileiro.html

Aspectos da história da psicologia e sua presença no cristianismo brasileiro

Daniel Felipe Silva Wanderley

1

Na história do desenvolvimento científico, a psicologia, na sua origem e no seu processo de evolução e aplicação, manteve uma relação com a religião cristã. Além de ter envolvimento com as ciências médicas e outras ciências, o diálogo com a religião é relevante, sendo presente na teologia prática, no aconselhamento pastoral e em outras áreas do conhecimento cristão. Esta pesquisa objetiva discorrer sobre parte da história da psicologia e sua relação com o cristianismo brasileiro, através do conhecimento da postura religiosa para com as questões psíquicas existentes desde a antiguidade, quando a psicologia ainda não existia como ciência, bem como, da sua história e relevância, a partir do seu surgimento, inclusive, no contexto brasileiro. Isso porque a psicologia tem estudado, nas últimas décadas, como a religião contribui para o desenvolvimento humano, não só na questão comportamental, mas em todos os aspectos da vida. Pode se dar como exemplo, o conjunto de obras teológicas do padre Leone Franca e do pastor Eduardo Carlos Pereira, escritas no início do período republicano do Brasil, que discutem sobre que tipo de cristianismo, o católico ou protestante, foi benéfico para o desenvolvimento do indivíduo e da nação. São analisadas pela psicologia, na finalidade de identificar como a religião interfere no desenvolvimento do ser humano e de sua coletividade como um todo.2 Mediante essa análise histórica, pode-se formular a seguinte pergunta: de que forma o diálogo entre a psicologia e a teologia, contribui para o desenvolvimento da teologia prática no ministério pastoral? Para essa questão, a busca será por respostas exploradas na história da psicologia e da religião cristã.

ABSTRACT

In the history of scientific development, psychology has, on its origin and its process of evolution and application, maintained a relation with christian religion. Beyond having involvement with medical sciences and other sciences, the dialogue with religion is relevant, being present in practical theology, in pastoral counselling and other areas of christian knowledge. This research aims to discourse about part of the history of psychology and its relation to brazilian christianity, through the the acknowledging of the religious stance towards psychic questions existent since antiquity, when psychology still didn’t exist as a science, as well as its history and relevance since its emergence in brazilian context. This because psychology has studied on the last decades how religion contributes to human development, not only in behavioristic questions, but in all aspects of life. Serving as an example stand the corpus of theological works of father Leone France and pastor Eduardo Carlos Pereira, written in the beginning of Brazil’s republican period discussing which type of christianity, catholic or protestant, was beneficial for the development of the individual and the nation. Are analysed by psychology on purpose to identify how religion intervenes on the development of the individual and his collectivity as a whole. Through this historical analysis, one can pose the following question: How the dialogue between psychology and religion contributes to the development of practical theology in pastoral ministry? To this question, the search will be for answers explored in the history of psychology and christian religion.

1 Mestrando em Teologia Pastoral. Faculdades Batista do Paraná. danfeljc@hotmail.com

2 SOUZA, Edilson Soares. Psicologia e Religião: Intelectuais Cristãos Escrevem Sobre Fé e Ciência. Relegens Thréskeia, Estudos e Pesquisas em Religião, V.4, n.2, p. 73; 75, 2015.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.